19.12.09

QUEM NASCE TORTO...


















Posted by Picasa

11 comentários:

Fernanda disse...

Querida Milai,

Quem nasce torto ...também se pode endireitar!

O Natal não é somente
Celebrar solenemente
A data mais conhecida.
Natal é qualquer momento
De amor e sentimento
Que ilumina a nossa vida.

É o dar sem receber
É no coração conter
Dimensão de caridade.
É dar esmola ao mendigo
Ajudar os sem abrigo
Com franca fraternidade.

Natal é p’ro ser humano
Qualquer altura do ano
Em que visita um doente.
Quando aos fracos dá a mão
E aos tristes em solidão
Ou conforta alguém ausente.

Natal é a força maior
A grande lição de amor
Que o Homem deve saber
Sem grandes filosofias
Natal é todos os dias
Quando o queiramos fazer !...


Beijinhos

Vitor Chuva disse...

Olá Milai!

A creditar no ditado ... a "árvore" assim irá morrer, a menos que alguém se dê ao trabalho de a tentar endireitar. Mas, porventura, já deveriam tê-lo feito, pois que a fazer fé num outro ditado, "de pequenino é que se torce o pepino"...
Ou ainda, se calhar o aspecto da árvore nada terá de defeito; será apenas uma questão de feitio ... pelo menos para quem sempre assim a conheceu.

Beijinhos, e Feliz Natal, com tudo de bom.

Vitor

MARA disse...

Querida Ná,

Não me digas que também és poetisa?
Que lindo poema. Parabéns.

Beijinhos
Milai

MARA disse...

Olá Vitor,

Claro, é de "pequenino que se torce o pepino". Esta envelheceu torta. Assim sendo, temos o ditado: "quem nasce torto, tarde ou nunca se endireita".
Pelo menos. dou a oportunidade a esta infeliz de ter alguns olhos a olhar para ela e até, talvez, a achar-lhe alguma graça porque resolveu virar para a direita.

Abraço
Milai

A. João Soares disse...

Desejo Feliz Natal e Vida Nova para todos, colaboradores, comentadores e visitantes deste blogue

Cumprimentos
João

Fernanda disse...

Querida Milai,

Vim ver como reagiste ao meu "poema".
Sabes lá o que eu passei para chegar aqui e ter a "lata" de o publicar.

Sabes que há muitos anos escrevia muitos, mas depois cresci e achei tudo horrível, foi tudo para o lixo.

Ultimamente ando fascinada novamente pela poesia, são tantos Blogues só de poesia que visito, tudo isso influenciou.
Mas não... não é a minha área, nunca serei poeta.
Aprendiz sim.

Obrigada pelo elogio, mesmo que só para seres simpática.

És uma querida.
Beijinhos

Fernanda disse...

Milai,
desculpa, mas esqueci-me de te dizer que não consigo comentar os teus carapins, não sei porquê.
Vê lá se descobres o que se passa.

Beijoca.

Alvaro Oliveira disse...

OLÁ MARA

AMIGA, COMO NÃO PODIA DEIXAR DE SER, PASSEI PARA LHE DEIXAR MEUS VOTOS DE UM NATAL MUITO FELIZ E UM NOVO ANO MUITO PRÓSPERO, COM LUZ, PAZ, AMOR E SAÚDE.

BEIJOS

ALVARO

Marcos Campos disse...

Boa foto Mara!
Ai não tem jeito mesmo...mas mesmo torta a vida segue...
Feliz natal pra vc!!
BJão!

Maria Letra disse...

Querida Milai,
Tal como acontece com alguns seres humanos, a natureza por vezes marca o que cria duma forma surpreendente. Isso faz-me pensar no ditado, que sinto desprovido de qualquer sentido, "Deus que te assinalou ..., algum defeito te encontrou!"
Beijinhos.
Maria Letra

Fernanda disse...

Querida amiga Milai,

Venho desejar-te um Feliz Natal!
Tudo há-de correr pelo melhor. Amanhã ainda te telefono.

Beijinhos